15/09/2012

Amanhã, não se esqueçam

quando forem à manifestação...


8 comentários:

  1. Na minha cidade foi mais cedo. Já cheguei e não desistirei de lutar. Por mim e pelos outros!

    ResponderEliminar
  2. Na fui, e se fosse era partir qualquer coisa aos nossos queridos lideres.

    A única utilidade de passear na avenida é passear na avenida. Depois do buzinão da ponte, digam-me uma única vez em que manifestações, por maiores que sejam, tenham servido para alguma coisa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para mim, o objetivo maior era mostrar que não somos os cornos mansos desta história toda e que, se quisermos, podemos partir esta porcaria toda.

      Eliminar
    2. Só vi mansidão... Segunda feira, o PSD reuniu de emergência para discutir o que o PP disse. Quanto à manifestação ca**** olimpicamente para o assunto.
      O PP abrir a boca, conta muito mais do que 500000 pessoas irem para a rua. É uma questão de importância.

      E também no sábado foi publicada uma sondagem, onde o PSD e PP juntos têm mais votos que nas últimas eleições. E mesmo que não tivessem, seria mais do mesmo. Votariam no Seguro zangados com o Coelho, tal como votaram no Sócrates zangados com o Sócrates.


      (desta vez antes de responder pensei, e fui responder no sitio certo :)

      Eliminar
    3. Entendo e dou-te razão. Acho que a coisa só se resolve a tiro (ups, isto não era para dizer).


      (oba, tu és o máiór!!!)

      Eliminar
  3. Tenho uma alternativa: Os calduços.

    Cada português que fosse lixado por um dos nossos queridos líderes, tinha direito a dar-lhe um calduço.

    Era remédio santo. Os gajos até talvez aguentassem bem os primeiros milhões de calduços, mas depois haveriam de ganhar juízo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei bem porquê, mas gostei da ideia.

      Eliminar
    2. Porque gostavas de lhe dar um calduço! Ora, também eu.

      O Coelhone ajoelhado com o pescocinho ali a jeito e a gente pimba!

      É mais ao menos como quando ele se reune com o morto vivo (vulgo Gasparone), e dizem um para o outro, Olha ali os portugas ali mesmo a jeito, vamos-lhe dar mais umas, e depois riem-se.

      Eliminar